Contraste
  • Aumentar fonte
  • A+
  • Diminuir fonte
    A-

    Parque da Quinta das Conchas e dos Lilases – Lisboa (Portugal)

    Parque da Quinta das Conchas e dos Lilases  está localizado na Freguesia de Lumiar, no Bairro Quinta das Conchas. Foi construído no espaço de duas quintas quinhentistas (a das Conchas e a dos Lilases).

    Para ir até o parque de metrô a melhor opção é a Estação Quinta das Conchas. Outra opção é ir de bicicleta como as da Gira, e foi a forma que usamos. Em uma das entradas do parque tem uma estação dessas bikes.

    Estação de bibe da Gira

    Este é o terceiro maior parque de Lisboa, com 25 hectares, atrás apenas do Parque Florestal de Monsanto e do Parque da Bela Vista (post do Brasília na Trilha).

    Parque da Quinta das Conchas e dos Lilases

    O Parque foi “reinaugurado” em maio de 2005, quando recebeu o Prêmio Valmor e Municipal de Arquitetura, e conta com três zonas distintas: a Quinta das Conchas, a Mata e a Quinta dos Lilases.

    A Quinta das Conchas é a maior, com extensa área gramada e arborizada. É limitada na parte mais elevada por oliveiras e zambujeiros e uma fonte; e na parte baixa, por um lago. O Parque Quinta das Conchas dispõe de: café, auditório, restaurante, parque infantil, sanitários, área de piquenique e lago, bem como de um circuito interno que permite a prática de atividades desportivas, como caminhada, corrida e ciclismo.

    A Mata é uma zona florestal mais densa e intocada, constituída por um conjunto variado de árvores, destacando-se a espécie ZelKova Serrata, cedros-dos-Himalaias e cedros-do-Buçaco.

    Separada da Quinta das Conchas por um muro, está a Quinta dos Lilases, de ambiente mais recatado. A vegetação é marcada pelo alinhamento de oliveiras junto ao muro da Quinta das Conchas e pela presença de eucaliptos, choupos, freixos, gleditsias, espécies do gênero Quercus e frutíferas. No Parque dos Lilases tem uma mansão de estilo colonial (a qual serviu de residência a Francisco Mantero) com jardim e lago de inspiração romântica, com duas ilhas arborizadas ao centro, representando as ilhas de São Tomé e Príncipe. A área conta também com um parque canino (comum em parques e praças de Lisboa) e um parque bem interessante com brinquedos de equilíbrio. A zona correspondente ao Parque dos Lilases é menos movimentada que a parte da Quinta das Conchas.

    É um dos parques de Lisboa que vale muito a pena conhecer. Gostamos tanto do local que voltamos lá de bike na semana seguinte para fazer um piquenique.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Ultimas Postagens

    ver todas

      Roteiro de Bike – Passadiço Ribeirinho de Loures – Lisboa (Portugal)

      Passadiço Ribeirinho de Loures O Passadiço Ribeirinho de Loures é uma passarela de madeira, do tipo palafita, às margens do Rio Tejo, sobre uma zona de sapais e lodaçais, destinada a pedestres e bicicletas, com de 6,15 km de extensão. Começa em Bobadela, na Ponte Ciclo pedonal do Rio Trancão (a 1,5 km da Ponte Vasco da […]

        Brasília na Trilha – 10 anos

        Diário de viagem Há dez anos surgia a inspiração para a criação do blog Brasília na Trilha. A ideia nasceu quando estávamos a caminho de Diamantina – MG, para uma aventura em veículo 4×4, com minha esposa e nossos filhos, além de outros amigos também em carros 4×4. Pensamos em registrar esta e outras viagens […]

          Diamantina – MG

          Brasília na Trilha – 10 anos Diário de viagem Há dez anos surgia a inspiração para a criação do blog Brasília na Trilha. A ideia nasceu quando estávamos a caminho de Diamantina – MG, para uma aventura em veículo 4×4, com minha esposa e nossos filhos, além de outros amigos também em carros 4×4. Pensamos […]

            Caminhada Costeira Coogee a Bondi – Sydney (Austrália)

            Coastal Walkway (caminhada costeira) é o percurso realizado a pé pela costa leste australiana entre as praias de Coogee e a badalada Bondi ou vice-versa (links de posts do Brasília na Trilha). O trecho de uma praia à outra é de 6 km, simplesmente fantástico, imperdível. Gastamos 3 horas para percorrer todo o percurso, parando […]

              Bondi Beach – Sydney (Austrália)

              Bondi (originalmente Boondi, pronuncia-se “Bon-dai”) dá nome ao bairro e à praia, uma das mais badaladas da região metropolitana de Sydney, localizada a apenas 7 km da área central da cidade. Bondi, North Bondi e Bondi Junction têm menos de 12 mil habitantes e formam um dos maiores centros comerciais e residenciais de Sydney. Há […]

                Coogee Beach – Sydney (Austrália)

                Coogee Beach foi a terceira e última praia de Sydney que conhecemos, em nosso quarto dia de Sydney (5 de setembro de 2023). Era inverno, mas o dia estava ensolarado, ótimo para caminhar pela praia, pela calçada da orla e para percorrer a costa entre Coogee e Bondi. Estava ventando menos e foi possível ficar […]