Contraste
  • Aumentar fonte
  • A+
  • Diminuir fonte
    A-

    Igreja e Convento da Graça – Lisboa (Portugal)

    A Igreja e Convento da Graça ou Igreja de Santo André e Santa Marinha está localizada na Freguesia de São Vicente, na Calçada da Graça. Está em frente ao Miradouro Sophia de Mello Breyner Andresen (post do Brasília na Trilha), também conhecido como Miradouro da Graça, e ao lado do Jardim Augusto Gil, conhecido como Jardim da Graça (post do Brasília na Trilha).

    A Igreja é próxima também dos Miradouro dos Barros (post do Brasília na Trilha) e do Miradouro da Senhora do Monte.

    Grande parte das pessoas que chega nesta região usa os Tuk Tuks (acho caros) ou chega a pé. Outra opção é utilizar o famoso Elétrico 28 (post do Brasília na Trilha).

    Nessa visita é possível conhecer uma parte do Convento e a Igreja.

    O Convento foi reaberto em 2017, após obras de restauro, mas apenas uma parte dele é aberta à visitação: a Sala da Portaria, revestida de mámore de diversas cores; a Sala do Capítulo, com azulejos dos séculos XVI, XVII e XVIII; e o Claustro Maior. A entrada é gratuita.

    Sala da Portaria
    Sala do Capítulo
    Claustro Maior
    Claustro Maior
    Convento da Graça

    O Convento de Nossa Senhora da Graça de Lisboa foi a sede da Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho, ou Graciano, tendo sido construído em 1291, e consagrado a Nossa Senhora da Graça em 1305. A igreja passou por muitas intervenções após o terremoto de 1755, ficando sua arquitetura com características maneirista, barroca e rococó. Em 1910, o conjunto foi classificado como Monumento Nacional.

    A parte frontal da edificação apresenta dupla fachada formando um ângulo de 90º. De um lado a igreja e do outro a antiga portaria do Convento, onde está a torre sineira.

    Fachada do Convento (centro) – Igreja à direita
    Fachada lateral da Igreja da Graça

    No interior, destacam-se a talha dourada dos altares em estilo rococó e as esculturas setecentistas das capelas, os três órgãos de tubos e a pintura do teto. Aqui se guarda a imagem do Senhor dos Passos da Graça, uma imagem de Cristo com a cruz às costas, das mais veneradas da cidade.

    Horários:

    De terça-feira a sexta-feira: das 9 às 18 horas.
    Sábado: das 9h30 às 12h30h | 14h30 às18 horas.
    Domingo: das 9h30 às 12h30h | 17h às 20 horas.

    Igreja da Graça
    Igreja da Graça
    Igreja da Graça
    Igreja da Graça
    Igreja da Graça
    Igreja da Graça
    Igreja da Graça

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Ultimas Postagens

    ver todas

      Brasília na Trilha – 10 anos

      Diário de viagem Há dez anos surgia a inspiração para a criação do blog Brasília na Trilha. A ideia nasceu quando estávamos a caminho de Diamantina – MG, para uma aventura em veículo 4×4, com minha esposa e nossos filhos, além de outros amigos também em carros 4×4. Pensamos em registrar esta e outras viagens […]

        Diamantina – MG

        Brasília na Trilha – 10 anos Diário de viagem Há dez anos surgia a inspiração para a criação do blog Brasília na Trilha. A ideia nasceu quando estávamos a caminho de Diamantina – MG, para uma aventura em veículo 4×4, com minha esposa e nossos filhos, além de outros amigos também em carros 4×4. Pensamos […]

          Caminhada Costeira Coogee a Bondi – Sydney (Austrália)

          Coastal Walkway (caminhada costeira) é o percurso realizado a pé pela costa leste australiana entre as praias de Coogee e a badalada Bondi ou vice-versa (links de posts do Brasília na Trilha). O trecho de uma praia à outra é de 6 km, simplesmente fantástico, imperdível. Gastamos 3 horas para percorrer todo o percurso, parando […]

            Bondi Beach – Sydney (Austrália)

            Bondi (originalmente Boondi, pronuncia-se “Bon-dai”) dá nome ao bairro e à praia, uma das mais badaladas da região metropolitana de Sydney, localizada a apenas 7 km da área central da cidade. Bondi, North Bondi e Bondi Junction têm menos de 12 mil habitantes e formam um dos maiores centros comerciais e residenciais de Sydney. Há […]

              Coogee Beach – Sydney (Austrália)

              Coogee Beach foi a terceira e última praia de Sydney que conhecemos, em nosso quarto dia de Sydney (5 de setembro de 2023). Era inverno, mas o dia estava ensolarado, ótimo para caminhar pela praia, pela calçada da orla e para percorrer a costa entre Coogee e Bondi. Estava ventando menos e foi possível ficar […]

                Manly Beach – Sydney (Austrália)

                Manly foi a segunda praia de Sydney que conhecemos (a primeira foi Bondi), já em nosso terceiro dia na cidade (4 de setembro de 2023). Embora fosse inverno, a temperatura estava amena, em torno de 20ºC, ótimo para caminhar na praia e na calçada da orla. Apesar do vento frio, foi possível tomar um pouco […]